segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Imperialismo e Coca-Cola


A Coca-Cola é um exemplo vivo de Imperialismo Cultural. Originada nos Estados Unidos em 1886, ela vem expandindo e conquistando gerações até hoje, tanto velhos como crianças, e podemos afirmar que boa parte dessa imagem, vem dos comerciais e propagandas. Pessoas felizes e de bem com a vida, são sempre bem representadas, e o alvo maior são os jovens, porque assim desde cedo já começam a consumir a bebida, que é considerada uma "droga".


Veja abaixo um comercial da Campanha " Emoção pra Valer" da Coca-Cola de 1989.

Jingle interpretado pela Cantora e Professora Ana Zinger.


video



Nara Rúbia


Nenhum comentário:

Postar um comentário